Alface d’água: Veja como cultivar (Pistia stratiotes)

O Alface d’água de nome cientifico Pistia stratiotes é uma planta herbácea, pertence à família Araceae, nativa da América tem seu ciclo perene e também é conhecida como Erva de santa luzia, repolho d’água e golfo.

Características do Alface d’água

O Alface d’água é uma planta aquática que flutuante de água doce que gosta do clima equatorial, subtropical e tropical. Seu crescimento é rápido podendo crescer de 15 à 20 cm de altura e 10 cm de diâmetro, suas raízes são espessas e extremamente ramificadas e pendentes.

Alface d'água
Foto: joao batista Shimoto

Sua folhas grossas das cor verde claro são onduladas e na forma roseta que possuem pelo curtos que formas bolhas de ar que ajudam a planta flutuar na água, é uma ótima planta ornamental sendo usada em aquários, lagos e rios.

Em muitas vezes é considerada como uma planta daninha, devido à sua rápida multiplicação. Suas raízes funcionam como uma espécie de filtro natural, seu crescimento fora de controle pode bloquear a troca gasosa na interface ar-água, reduzindo o oxigênio da água e matando peixes, também pode bloquear a luz e alterar as comunidades de plantas imersas.

Foto: Filipo tardim

Como cultivar passo a passo

Veja como cultivar esta planta em seu jardim e lago passo a passo, também deixamos um vídeo muito informativo para te ajudar.

Dicas:

  • Deve ser plantada em sol pleno.
  • Deve ser plantada na água livre de cloro ou outros produtos químicos.
  • Necessita de substrato para seu crescimento.
  • Água fertilizada com matéria orgânica faz seu crescimento se espalhar rapidamente podendo perder o controle e se tornando daninha.
  • A multiplicação é feita por mudas que se desenvolvem em torno da planta.
Confira:  Lantana: Como cultivar a planta que muda de cor 👩‍🌾
Alface d'água
Foto: Zaida Machado

Passo a Passo:

  1. Escolha do Local: A Alface d’água cresce melhor em água parada ou em ambientes aquáticos. Escolha um local com luz solar indireta ou sombra parcial.
  2. Preparação do Recipiente: Utilize um recipiente largo e raso, como uma bacia ou tanque, para acomodar as plantas. Certifique-se de que o recipiente tenha uma profundidade suficiente para submergir as raízes da Alface d’água.
  3. Enchimento do Recipiente: Preencha o recipiente com água limpa e sem cloro. É importante manter a água limpa para evitar o acúmulo de algas e outros microrganismos indesejados.
  4. Plantio das Mudinhas: Plante as mudas da Alface d’água na água, espaçando-as adequadamente para permitir o crescimento. Pressione suavemente as raízes no substrato aquático para fixá-las.
  5. Manutenção da Água: Mantenha a água do recipiente limpa, trocando-a regularmente para evitar o acúmulo de nutrientes e o desenvolvimento de algas. Se necessário, utilize um filtro ou adicione um agente purificador de água.
  6. Fertilização: Não é necessário fertilizar a Alface d’água com frequência, pois ela absorve nutrientes diretamente da água. No entanto, se as plantas parecerem fracas ou descoloridas, você pode adicionar um fertilizante aquático diluído ocasionalmente.
  7. Controle de Pragas e Doenças: Verifique regularmente as plantas em busca de sinais de pragas ou doenças, como folhas amareladas, manchas escuras ou presença de insetos. Se necessário, trate as plantas afetadas com um inseticida ou fungicida adequado.
  8. Colheita: A Alface d’água pode ser colhida quando as folhas estiverem grandes o suficiente para consumo. Corte as folhas na base da planta e lave-as bem antes de consumir.

Cuidados:

  • Luz Solar: A Alface d’água prefere luz solar indireta ou sombra parcial. Evite expô-la diretamente à luz solar intensa, pois isso pode causar queimaduras nas folhas.
  • Água Limpa: Mantenha a água do recipiente sempre limpa e sem cloro. Troque a água regularmente para evitar o acúmulo de nutrientes e o desenvolvimento de algas. Utilize água filtrada ou deixe a água descansar por algumas horas antes de usar.
  • Temperatura: A Alface d’água cresce melhor em temperaturas moderadas, entre 18°C e 25°C. Proteja as plantas de temperaturas extremas, tanto frias quanto quentes, pois isso pode afetar seu crescimento e desenvolvimento.
  • Podas: Remova regularmente as folhas danificadas, murchas ou mortas para promover o crescimento saudável das plantas. Isso também ajuda a prevenir o acúmulo de detritos no recipiente.
  • Espaçamento: Ao plantar as mudas de Alface d’água, deixe espaço suficiente entre elas para permitir o crescimento e a expansão das folhas.
  • Proteção contra Geadas: Se você vive em uma região com geadas frequentes, proteja as plantas durante os meses mais frios do ano. Você pode mover o recipiente para um local protegido ou cobrir as plantas com um pano ou plástico durante a noite.
Confira:  Filodendro Brasil - características, cuidados e dicas

Assista este vídeo com mais dicas sobre está planta e alguns cuidados para se tomar.

Este artigo foi útil para você? avalie usando as estrelas abaixo, deixe um comentário com sua opinião e compartilhe nas redes sociais com amigos para mais gente ver, não se esqueça de conferir nossos outros artigos sobre plantas, flores, jardinagem e paisagismo.

Avalie este artigo
Compartilhe nas suas redes sociais!
Redação

Redação

Compartilhando conhecimentos sobre jardinagem, paisagismo, flores e plantas. 💚

2 comentários

  1. Olá!
    Estou entrando em contato para solicitar que retire uma foto de minha autoria dessa postagem.
    Ocorre que essa foto foi extraída de meu site (nossafloranossomeio.eco.br) e está me causando prejuízos, visto que eu ganho por visualizações, e a imagem republicada aqui aparece na pesquisa Google direcionando para esse site e não para o meu, que sou o detentor dos direitos autorais da imagem.

    Aguardo pela compreensão do administrador desse site, inclusive por estar infringindo a Lei de Direitos Autorais.

    A Foto de minha propriedade e que solicito a remoção é a segunda foto que aparece abaixo do título “Como Cultivar”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *