Podocarpo: dicas e cultivo (Podocarpus macrophyllus)

O Podocarpo (Podocarpus macrophyllus), também conhecido como pinheiro-buda ou podocarpo-japonês, é uma árvore perene de origem asiática que pertence à família Podocarpaceae. É amplamente cultivado como planta ornamental devido à sua folhagem densa e sua capacidade de se adaptar a diferentes condições ambientais.

Características da Podocarpo (Podocarpus macrophyllus)

O Podocarpo é uma excelente escolha para jardineiros que procuram uma planta versátil, de baixa manutenção e com excelente apelo visual. Sua folhagem exuberante e seu crescimento denso o tornam uma adição valiosa a qualquer jardim.

  • Folhagem: O Podocarpo possui folhas coriáceas, verde-escuras e brilhantes, dispostas em espiral ao longo dos ramos. As folhas são lanceoladas e podem ter até 7 centímetros de comprimento. Sua folhagem densa e compacta é uma das principais razões pelas quais é popular como planta ornamental.
  • Crescimento: Esta árvore pode crescer até 15 metros de altura, embora, geralmente, seja mantida mais baixa em jardins através da poda regular. É uma excelente escolha para sebes e cercas vivas devido à sua capacidade de crescer densamente e formar uma tela verde.
  • Flores e frutos: As flores do Podocarpo são pequenas e discretas, de cor verde ou amarelo-esverdeada. Elas não são muito ornamentais, mas dão origem a pequenos frutos de cor roxa ou azul-escura, que são apreciados pela vida selvagem, como pássaros.
  • Tolerância: Esta planta é resistente e pode se adaptar a uma variedade de condições de cultivo. Prefere solos bem drenados e férteis, mas pode tolerar solos argilosos ou arenosos. Ela também é resistente à maioria das pragas e doenças comuns das plantas de jardim.
  • Cuidados: O Podocarpo geralmente precisa de pouca manutenção. Regue regularmente durante o primeiro ano após o plantio para ajudar a estabelecer o sistema radicular. Uma vez estabelecida, a rega pode ser reduzida. Realize podas regulares para manter a forma desejada e promover o crescimento denso.
Confira:  Tuia Holandesa: como cuidar e cultivar (Pinheiro de Natal)
Podocarpo Podocarpus macrophyllus Pinheiro-de-buda
David J. Stang

Utilização do Podocarpo em muros e cerca viva

O Podocarpo é uma escolha popular para cercas vivas e muros verdes devido à sua folhagem densa, capacidade de poda, adaptação a diferentes condições e aspecto atraente durante todo o ano. Ao usá-lo nessas aplicações, é possível criar áreas ao ar livre agradáveis, privadas e visualmente atraentes.

  1. Privacidade e Segurança: Devido à sua folhagem densa e perene, o Podocarpo oferece uma excelente tela de privacidade ao longo do ano. Plantadas em linha, as árvores de Podocarpo criam uma barreira eficaz que pode ajudar a proteger sua propriedade de olhares curiosos e fornecer uma sensação de segurança.
  2. Estética: Além de sua função prática, o Podocarpo também acrescenta beleza estética ao ambiente. Suas folhas coriáceas e brilhantes oferecem um visual verdejante e exuberante que pode complementar o paisagismo de uma maneira agradável. A cerca viva de Podocarpo pode servir como um pano de fundo verde para outras plantas e elementos do jardim.
  3. Delimitação de Espaço: Ao longo de propriedades residenciais ou comerciais, o Podocarpo pode ser plantado para definir limites e delimitar espaços. Isso é útil para criar zonas distintas em um jardim, separar áreas de estar e de lazer, ou até mesmo dividir grandes espaços em áreas menores e mais íntimas.
  4. Redução de Ruído e Ventos Fortes: A densidade da folhagem do Podocarpo pode ajudar a absorver o som, agindo como uma barreira natural contra o ruído indesejado, especialmente em áreas urbanas. Além disso, a cerca viva de Podocarpo pode proteger sua propriedade dos ventos fortes, proporcionando um microclima mais protegido para as plantas e áreas de estar ao ar livre.
  5. Habitat para Vida Selvagem: As árvores de Podocarpo também podem atrair e abrigar uma variedade de vida selvagem, como pássaros e insetos benéficos. Isso adiciona interesse e biodiversidade ao seu jardim, criando um ambiente mais saudável e equilibrado.
Confira:  Quaresmeira: cores, características (Tibouchina granulosa)

Como cultivar Pinheiro-de-buda passo a passo

Para cultivar o Podocarpo (Pinheiro-de-buda), siga estas orientações passo a passo:

  1. Escolha do Local: O Podocarpo prefere locais bem iluminados, mas com luz filtrada. Evite exposição direta ao sol forte, pois pode queimar as folhas. Ele também pode ser cultivado em ambientes internos bem iluminados.
  2. Preparação do Solo: O solo deve ser bem drenado e rico em matéria orgânica. Faça a preparação do solo adicionando composto orgânico e areia, se necessário, para melhorar a drenagem.
  3. Plantio: Cave um buraco ligeiramente maior que o torrão da muda. Retire a muda do recipiente com cuidado para não danificar as raízes. Coloque-a no buraco e preencha ao redor com solo preparado, pressionando levemente para fixá-la.
  4. Rega: Mantenha o solo úmido, regando regularmente, especialmente nos primeiros meses após o plantio. Evite encharcar o solo para não causar problemas de apodrecimento das raízes.
  5. Adubação: Faça adubações semestrais com adubo orgânico ou adubo específico para plantas verdes. Siga as instruções do fabricante quanto à dosagem e frequência.
  6. Poda: Realize podas de formação para manter a planta com o formato desejado e para remover galhos secos ou doentes. A poda deve ser feita no final do inverno ou início da primavera.
  7. Proteção contra Pragas e Doenças: Fique atento a sinais de infestação por pragas ou doenças, como cochonilhas ou fungos. Se necessário, trate a planta com produtos específicos, seguindo as instruções do fabricante.
  8. Manutenção: Remova folhas secas ou amareladas regularmente para manter a planta saudável e esteticamente agradável.
Podocarpo Podocarpus macrophyllus Pinheiro-de-buda
David J. Stang

Em vaso

Embora o Podocarpo (Podocarpus macrophyllus) seja frequentemente utilizado como planta de cerca viva ou em muros, também pode ser cultivado em vasos. Aqui estão algumas considerações importantes ao cultivar o Podocarpo em vaso:

  1. Tamanho do Vaso: Escolha um vaso que seja grande o suficiente para acomodar o sistema radicular da planta. Certifique-se de que o vaso tenha furos de drenagem para evitar o acúmulo de água, o que pode causar apodrecimento das raízes.
  2. Substrato Adequado: Utilize um substrato bem drenado e rico em matéria orgânica. Uma mistura de terra para plantas ornamentais e material orgânico, como composto ou turfa, pode ser adequada. Evite substratos muito compactados que retenham muita água.
  3. Localização: Posicione o vaso em um local que receba luz solar indireta a pleno sol. O Podocarpo tolera uma variedade de condições de luz, mas prefere locais ensolarados. Proteja a planta de correntes de ar fortes.
  4. Rega: Regue o Podocarpo de forma regular, mantendo o substrato levemente úmido. Evite encharcar o solo, pois isso pode levar ao apodrecimento das raízes. Verifique a umidade do substrato antes de regar novamente.
  5. Podas: Realize podas de formação e manutenção conforme necessário para controlar o tamanho e a forma da planta. Remova ramos mortos, doentes ou danificados para manter a saúde da planta.
  6. Fertilização: Fertilize o Podocarpo durante a primavera e o verão com um fertilizante balanceado para plantas verdes. Siga as instruções do fabricante para a dosagem correta.
  7. Transplante: Transplante o Podocarpo para um vaso maior conforme ele cresce e suas raízes preenchem o recipiente atual. Isso geralmente é necessário a cada dois ou três anos.
Confira:  Jasmim manga - Cores, dicas de como plantar e cuidar

Onde comprar e qual o preço?

Você pode encontrar mudas de Podocarpo (Podocarpus macrophyllus) em viveiros, floriculturas, lojas especializadas em jardinagem ou até mesmo em algumas lojas online como Mercado Livre. O preço pode variar dependendo do tamanho da muda, da região e do fornecedor. Em média, o preço de uma muda de Podocarpo pode variar de R$ 20,00 a R$ 100,00, dependendo da altura e do estado de desenvolvimento da planta. Recomenda-se comparar preços em diferentes fornecedores para encontrar a opção que melhor se adapte às suas necessidades e orçamento.

Podocarpo Podocarpus macrophyllus Pinheiro-de-buda
Juan Carlos López Almansa

Este artigo foi útil para você? avalie usando as estrelas abaixo, deixe um comentário com sua opinião e compartilhe nas redes sociais.

Avalie este artigo
Compartilhe nas suas redes sociais!
Redação

Redação

Compartilhando conhecimentos sobre jardinagem, paisagismo, flores e plantas. 💚

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *